Pós em Desenvolvimento Infantil e Intervenção Precoce
Início

Pós em Desenvolvimento Infantil e Intervenção Precoce (Porto Alegre-RS)

A pós-graduação em Desenvolvimento Infantil e Intervenção Precoce é uma parceria da faculdade Santa Rita e a Inclusão Eficiente. Os professores foram cuidadosamente selecionados para compor a equipe, para trazer fundamento teórico e experiência prática aos alunos.
A pós-graduação de Desenvolvimento Infantil e Intervenção Precoce, tem como público alvo, Fisioterapeutas, Fonoaudiólogos e Terapeutas Ocupacionais. A especialização traz tendências mundiais em reabilitação infantil, que preconiza o uso de escalas de avaliação, tratamento interdisciplinar e foco funcional para as crianças. Será oferecido aos alunos, recursos para todos ambientes e aspectos da criança, desde informações sobre UTI, intervenções focadas no motor, percepto cognitivo e desenvolvimento orofacial da fala e da linguagem.

Coordenado na turma de Porto Alegre pela Doutora Francine Hartmann, Doutora e Mestre em Pediatria com experiência clínica e experiência na docência e na turma de Recife pela Vanessa Madaschi, Mestre e Doutoranda em Distúrbios em Desenvolvimento com experiência nacional e internacional no tema de Desenvolvimento Infantil e Intervenção Precoce, este projeto inovador, é uma realização da parceira das duas profissionais e do Terapeuta Ocupacional Régis Nepomuceno, colaborador da especialização e professor de ambas as turmas além de ser diretor da Inclusão Eficiente.

Sobre o curso

 

Público alvoFisioterapeutas, Fonoaudiólogos e Terapeutas Ocupacionais.
Início:Outubro/2017 - duração 18 meses
Término:Março/2019
Parceria:Faculdade Santa Rita- Chapecó-SC e Inclusão Eficiente - Assessoria e Consultoria em Inclusão e Reabilitação
Local:Rua Feliz da Cunha, 737, Floresta, Porto Alegre/RS.
Horário08:00 as 17:00 – com uma hora de intervalo
Investimento:Matrícula: R$ 375,00 (trezentos e setenta e cinco reais)
Mensalidades: 18 parcelas de R$ 420,00 (quatrocentos e vinte reais) | pagamento até dia 05 de cada mês, 18x de R$ 400,00
Valor total do curso: R$ 7.935,00 (sete mil e novecentos e trinta e cinco reais)
Coordenadora:Fisioterapeuta Doutora Francine Hartmann
Secretária:Fernanda (49) 3323-6037 - de segunda a sexta 08:30 as 12:30

 

Objetivos Gerais

 

Capacitar, qualificar e aperfeiçoar profissionais graduados em Terapia Ocupacional, Fisioterapia e Fonoaudiologia para o planejamento e execução de estratégias e recursos facilitadores da intervenção precoce das crianças com deficiências.

 

Objetivos específicos

 

  • Proporcionar condições aos alunos de atuar em espaços de reabilitação, tanto públicos quanto privados, onde os conhecimentos e habilidades acerca da intervenção precoce sejam necessários;
  • Fornecer sólida base de conhecimento em deficiências e reabilitação, que unidas, possam favorecer as adaptações necessárias para a intervenção precoce deste público;
  • Despertar nos cursistas o senso de pesquisa/investigação científica e escrita acadêmica de forma a contribuir para a fundamentação teórica da área de conhecimento da Terapia Ocupacional, Fonoaudiologia e Fisioterapia em intervenção precoce;
  • Preparar os cursistas para o uso de tecnologias assistivas no processo de intervenção precoce;
  • Identificar e elaborar projetos que garantam o acesso à reabilitação baseada nas leis vigentes no Brasil e nas Teorias que a sustentam.

 

ATO LEGAL DO CURSO

 

CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO (LATO SENSU) EM NÍVEL DE ESPECIALIZAÇÃO EM TERAPIA OCUPACIONAL EM EDUCAÇÃO INCLUSIVA

 

Curso aprovado pela Portaria nº 005/2016 e registrado no e-MEC, conforme Resolução CNE Nº 2, de 2 de fevereiro de 2014 e Instrução Normativa nº 1, de 16 maio de 2014.

Faach/Santa Rita: Faculdade Anglo-Americano  – FAACH – Câmpus Faculdade Santa Rita de Chapecó

Instituição vinculada ao Sistema Federal de Educação. Credenciada pela Portaria Ministerial nº 337, de 24 de março de 2010, com aditamento ao credenciamento efetuado pela Portaria nº 633, de 29 de novembro de 2013 (DOU nº 233, Seção 1, segunda-feira, 02 de novembro de 2013).

Consulte aqui o Cadastro do Curso na página do MEC.

 

Disciplinas

 

DISCIPLINA 01 - Programa de Intervenção precoce no Brasil e no mundo: diretrizes e atualizações
Objetivo
ConteúdoApresentação do programa de pós graduação; Cronograma da pós graduação; Orientações sobre os trabalhos e TCC; Apresentação do corpo docente; Estimulação precoce X Intervenção precoce; Programa de Intervenção precoce no Brasil e no mundo.

DISCIPLINA 02 - Genética - Estudos genéticos
Objetivo
ConteúdoSíndrome de Prader Willi, Distrofia Muscular de Duchene, Síndrome Cri Du Chat, Erros Inatos do Metabolismo como as Mucopolisacaridoses, síndrome de Down, síndrome do X frágil, síndrome de klinefelter, síndrome de Turner, síndrome de Edwards; Identificação das características clínicas e progressão das síndromes genéticas citadas acima; Encaminhamento ao geneticista para o diagnóstico clínico e laboratorial; Importância do aconselhamento genético para a criança e a família.

DISCIPLINA 03 - Neuroanatomia e neuroplasticidade
Objetivo
ConteúdoOrganização Estrutural e Funcional do Sistema Nervoso Central; Sistemas sensoriais; Sistemas motores; Neuroimagem X Diagnóstico; EEG X Crises convulsivas e epilepsias; Medicação X Qualidade de vida; Plasticidade cerebral.

DISCIPLINA 04 – Desenvolvimento motor típico e atípico: intervenção precoce à 1ª infância
Objetivo
ConteúdoDesenvolvimento Motor Típico. Padrões de movimentos primitivos e patológicos. Desenvolvimento Motor Atípico. Planejamento de intervenção precoce. Laboratórios de movimento.

DISCIPLINA 5 – Desenvolvimento percepto-cognitivo: estimulação cognitiva em intervenção precoce
Objetivo
ConteúdoCompreender as bases do desenvolvimento cognitivo da primeira infância; Perceber as dificuldades em absorção e exploração de informação ambiental; Entender as influências da cognição na intervenção global da criança; Avaliar e Estimular a criança menor: os desafios e estrutura necessária; Ligação de todos os contextos e intervenção da criança para estimulação cognitiva.

DISCIPLINA 6 – Autismo
Objetivo
ConteúdoConhecer as teorias vigentes no Transtorno do Espectro Autista, assim como as abordagens, avaliações e direcionamentos mundiais e brasileiros na atual realidade, além dos desafios da intervenção precoce com este público Conteúdo Indicativos da Organização Mundial de Saúde para o Autismo. Paralelo da realidade mundial, Latino-Americana e do Caribe, e o Brasil. Avaliações para crianças com TEA. Direcionadores para a intervenção de crianças com TEA.

DISCIPLINA 7 - Unidade de Terapia Intensiva: intervindo precocemente
Objetivo
ConteúdoO recém nascido de risco; Assistência Humanizada na UTINeonatal; Estratégias de posicionamento; Condutas terapêuticas; Ventilação mecânica X neurodesenvolvimento; Método Mãe Canguru.

DISCIPLINA 8 - Estimulação orofacial e intervenção em linguagem
Objetivo
ConteúdoAvaliação Fonoaudiológica em Intervenção Precoce; Percepção dos déficits motores, sensoriais, cognitivos e de linguagem da criança; Intervenção Motora e Sensorial; Estimulação de Linguagem e Cognitiva; Participação da Equipe Interdisciplinar; Orientação de Familiares.

DISCIPLINA 9 - Intervenção funcional
Objetivo
ConteúdoAvaliação de Terapia Ocupacional em Intervenção Precoce; Percepção dos déficits motores, sensoriais e cognitivos da criança; Intervenção Motora e Sensorial; Estimulação de Linguagem e Cognitiva; Participação da Equipe Interdisciplinar; Orientação de Familiares.

DISCIPLINA 10 - Avaliação e Intervenção ortopédica
Objetivo
ConteúdoPrincipais alterações ortopédicas no paciente neurológico; Avaliação de radiografia; Indicação de órteses; Indicação de palmilha postural; Indicação e correções cirúrgicas.

DISCIPLINA 11 - Metodologia
Objetivo
ConteúdoDefinições conceituais, valores e ética no processo de pesquisa; O sistema de comunicação científica; Métodos e técnicas de pesquisa: necessidade, tipos de conhecimento, tipos de ciência, etapas e classificação das pesquisas científicas. O papel do orientado e orientador na produção da pesquisa acadêmica. Estrutura e definição das normas para elaboração de trabalhos acadêmicos; Definição, modelos e elementos do projeto de pesquisa; Organização de textos científicos para elaboração de trabalhos através das normas da ABNT.

DISCIPLINA 12 - Instrumentos de avaliação do desenvolvimento infantil
Objetivo
ConteúdoLacunas do desenvolvimento - aspectos motores, cognitivos, de linguagem e perceptuais; Importância da avaliação e uso de testes padronizados no Brasil; Instrumentos de medidas de avaliação do desenvolvimento infantil:
- Escala Alberta (AIMS);
- Medida de Independência Funcional (WeeFIM);
- Peabody 2 (PDMS);
- Movement Assessment battery for Children 2 (Movement ABC-2);
- Escalas Bayley III de desenvolvimento infantil (Bayley Scales of Infant and Toddler Development III);
Construção de relatórios - comunicação efetiva com a família em busca de objetivos comuns.

DISCIPLINA 13 - Métodos e modelos de tratamento neurofuncional
Objetivo
ConteúdoIndicação e princípios terapêuticos: Conceito Neuroevolutivo Bobath; PediaSuit; Therasuit; Cuevas; Terapia por contenção induzida; Vestes e equipamentos terapêuticos para uso domiciliar.

DISCIPLINA 14 - Estimulação Visual
Objetivo
ConteúdoConhecer as principais causas de deficiências visuais na primeira infância; Entender a complexidade da visão e sua formação; Estrutura de Estimulação Visual: planejamento, aplicação, avaliação e risco; Orientação da equipe do uso da visão numa intervenção global; Orientação da família e adaptações ambientais para deficiência visual na infância.

DISCIPLINA 15 - Hidroterapia e equoterapia
Objetivo
ConteúdoO que é hidroterapia; Propriedades da água; Os benefícios e condutas terapêuticas da hidroterapia; Quando indicar hidroterapia? O que é equoterapia; Movimento tridimensional; Os benefícios e condutas terapêuticas da equoterapia; Quando indicar equoterapia?

DISCIPLINA 16 - Comunicação alternativa
Objetivo
ConteúdoUso da comunicação alternativa como recurso de tecnologia assistiva em reabilitação desde as mais simples as mais complexas, como símbolos, imagens, computadores, pranchas de comunicação, dentre outros.

DISCIPLINA 17 - Tecnologia assistiva
Objetivo
ConteúdoIndicação, treino e uso de tecnologia assistiva na intervenção precoce. Acessibilidade arquitetônica nas normas da ABNT. Como adaptar: cadeiras e mesas, banheiro, materiais específicos e didáticos utilizados pelas crianças com deficiências. Prescrição e adaptação de cadeiras de rodas.

DISCIPLINA 18 - Atenção Domiciliar e Ambiental
Objetivo
ConteúdoAvaliação do ambiente; Orientação familiar para estimulação da criança em casa; Orientação e direcionamento de equipe; Adaptações ambientais; Ligações de Contextos; Estruturação de Rotina.

I Simpósio de Desenvolvimento Infantil e Intervenção Precoce

 

Cronograma
DISCIPLINASH/AOBSERVAÇÕES
Aula Inaugural: Programa de Intervenção precoce no Brasil e no mundo: diretrizes e atualizações.16h28 e 29 de outubro de 2017
Neuroanatomia e neuroplasticidade16h25 e 26 de novembro de 2017
Genética- Estudos genéticos16h16 e 17 de dezembro de 2017
Autismo16h27 e 28 de janeiro de 2018
Desenvolvimento percepto-cognitivo: estimulação cognitiva em intervenção precoce16h24 e 25 de fevereiro de 2018
Unidade de Terapia Intensiva: intervindo16h24 e 25 de março de 2018
Precocemente Desenvolvimento motor típico e atípico: intervenção precoce à 1ª infância16h24 e 25 de abril de 2018
Estimulação orofacial e intervenção em linguagem16h26 e 27 de maio de 2018
Intervenção e desenvolvimento funcional16h23 e 24 de junho de 2018
Avaliação e Intervenção ortopédica16h28 e 29 de julho de 2018
Metodologia16h25 e 26 de agosto de 2018
Instrumentos de avaliação do desenvolvimento infantil16h29 e 30 de setembro de 2018
Métodos e modelos de tratamento neurofuncional16h27 e 28 de outubro de 2018
Estimulação Visual16h24 e 25 de novembro de 2018
Hidroterapia e equoterapia16h15 e 16 de dezembro de 2018
Tecnologia assistiva 16h26 e 27 de janeiro de 2019
Comunicação alternativa16h23 e 24 de fevereiro de 2019
Atenção Domiciliar e Ambiental16h30 e 31 de março de 2019
I SIMPÓSIO DE DESENVOLVIMENTO INFANTIL72h21 e 22 de setembro de 2019
* As datas das disciplinas estão sujeitas a alteração, conforme a disponibilidade dos professores.

A especialização terá um total de 360 horas considerando as disciplinas, atividades extracurriculares e o simpósio.

 

Professores

 

Régis Nepomuceno


Currículo Lattes

Terapeuta Ocupacional pela Universidade Presidente Antônio Carlos-Minas Gerais. Atualmente é mestrando em Tecnologias da Informação e da Comunicação (Tecnologias Educacionais) pela Universidade Federal de Santa Catarina, possui formação no Conceito Neuroevolutivo Bobath, Cursos de Integração Sensorial, tem experiência nacional e internacional nas áreas de Reabilitação e Inclusão. Cursos em diversas áreas do Autismo, Paralisia Cerbral, Intervenção Cognitva, Intervenção Precoce no modelo Americano, Bebês de Risco no Conceito Bobath, Manuseio em Bolas do Conceito Bobath. Fundador da Inclusão Eficiente e Mentor do Programa de Intervenção Domiciliar-LIFE e ainda é o criador do Aplicativo Minha Rotina Especial. Assessor de Inclusão e Reabilitação da Inclusão Eficiente.



Giulia Calefi Gallo


Currículo Lattes

Terapeuta Ocupacional pela Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM), Mestra em Educação Especial pela Universidade Federal de São Carlos (UFSCar), onde estudou sobre a Inclusão Escolar de Crianças com TEA, realizou cursos de integração sensorial, de Intervenção precoce no modelo Americano, além da formação completa do Programa de intervenção Domiciliar LIFE. Assessora de Inclusão e Reabilitação.



Aline Perboni Zanotto


Currículo Lattes

Terapeuta Ocupacional pelo Centro Universitário Metodista IPA – Porto Alegre, RS. Mestranda em Ciências da Reabilitação pela Universidade Federal de Santa Catarina. Especialista em Psicopedagogia e Neurociências aplicadas ao atendimento educacional especializado. Possui cursos de Integração Sensorial, Intervenção precoce no modelo americano, na área de Autismo, Intervenção e educação, além da formação completa do Programa de intervenção Domiciliar LIFE. Assessora de Inclusão e Reabilitação.



Erika Pereira Zambalde


Currículo Lattes

Iniciou o curso de Ciências Biológicas Bacharelado no Centro Universitário de Lavras – Unilavras (2007-2009), transferiu-se para a Universidade Federal do Triângulo Mineiro – UFTM onde foi estudante do curso de Biomedicina (2009-2013) e bolsista de Iniciação Científica pela CNPq na área de Imunologia e Farmacologia. Cursou disciplinas eletivas em regime livre na Universidade de Lisboa – Biomateriais e Toxicologia (2010-2011). Atualmente é doutoranda do programa de pós-graduação em Genética da Universidade Federal do Paraná -UFPR no Laboratório de Citogenética Humana e Oncogenética, também foi aluna de mestrado do mesmo programa tendo seu projeto sido desenvolvido com colaboração do INCA – Instituto Nacional do Câncer (Rio de Janeiro), onde realizou parte dos experimentos.



Braz da Silva Ferraz Filho


Currículo Lattes

Possui graduação em Redes de Computadores pelo Instituto Federal Catarinense (2014). Especialização em Tecnologias para Aplicações Web pela Universidade Norte do Paraná (2015). Mestrando em Tecnologias da Informação e Comunicação pela Universidade Federal de Santa Catarina. Tem experiência na área de TI com ênfase em Hardware e Redes de Computadores. Atualmente é Técnico em Tecnologia da Informação do Instituto Federal Catarinense – Campus Santa Rosa do Sul.



Francine Harttmann


Currículo Lattes

Graduada em Fisioterapia pela Universidade Federal de Santa Maria, com Mestrado e Doutorado em Saúde da Criança, pela Universidade Católica do Rio Grande do Sul, PUCRS. Tem formação no Conceito Neuroevolutivo Bobath básico, no Conceito Neuroevolutivo Bobath baby; formação no Protocolo em Terapia Intensiva Neurológica e PediaSuit desenvolvido na Flórida, EUA; capacitação em Desenvolvimento e Comportamento da Criança; Formação internacional em Mobilização Neural pela Clinical Neurodynamics Education; e tem ampla experiência no atendimento fisioterapêutico em neuropediatria.



Larissa De Souza Ciqueira


Currículo Lattes

Possui Graduação em Fonoaudiologia pela Universidade Federal de Santa Maria (1999), formação no Conceito Neuroevolutivo Método BOBATH (2001), Especialização em Neuropsicologia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul - UFRGS (2008) e Mestrado em Distúrbios da Comunicação Humana pela Universidade Federal de Santa Maria - UFSM (2006) e Doutorado em Psicologia Na Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul - PUCRS (2015). Atuou como Fonoaudióloga na Associação de Assistência à Criança Deficiente (AACD / RS) entre 2002 e 2012. Atualmente é membro do Grupo Neuropsicologia Clínica e Experimental (GNCE), participando ativamente na Subequipe Neuropsicologia da Infância e Adolescência. Possui experiência na área de Fonoaudiologia, com ênfase em Reabilitação, Neuropsicologia e Tecnologia Assistiva, atuando principalmente nos seguintes temas: adaptação de instrumentos de avaliação neuropsicológica, neuropsicologia, funções executivas, linguagem oral e escrita, memória, comunicação suplementar alternativa, acessibilidade e reabilitação neurológica/neuropsicológica.



Cláudia Soares Zirbes


Currículo Lattes

Claudia Zirbes, pós-graduada em Psicopedagogia Clínica e Institucional pelo IERGS, membro da ONG Instituto Autismo e Vida de Porto Alegre onde atua como palestrante sobre os temas Autismo, Inclusão e Intervenção. Professora dos Cursos de Pós Graduação em Neuropsicopedagogia e em Educação Especial do IERGS, Professora do curso de Pós Graduação em Educação Inclusiva da Uniritter Laureate International Universities. Consultora em processos inclusivos escolares. Mãe de Guilherme, 8 anos, com diagnóstico de TEA.



Renata Costa de Sá Bonotto


Currículo Lattes

Licenciada em Letras-Inglês (UFRGS), especialista em Educação a Distância (Universidade Católica de Brasília-DF), mestre em Estudos da Linguagem - Linguística Aplicada (PGLET-UFRGS), doutora em Informática na Educação (PGIE-UFRGS). Tem experiência em ensino de Língua Inglesa, formação de professores de línguas, planejamento e gerenciamento de atividades envolvendo TecnoIogias de Informação e Comunicação (TICs) e Educação a Distância (EAD), metodologias de ensino e aprendizagem. Desde 2011, tem se dedicado à temática do autismo, desenvolvimento da linguagem e da comunicação no autismo, aplicações e utilização de Comunicação Aumentativa e Alternativa (CAA), aprendizagem e desenvolvimento de pessoas autistas. Áreas de pesquisa incluem aprendizagem e desenvolvimento sob um enquadre sócio-histórico (Vigotski e seguidores), desenvolvimento da linguagem sob uma perspectiva sócio-pragmática, Tecnologia Assistiva/Comunicação Aumentativa e Alternativa, Dimensão Afetiva dos processos de ensino e aprendizagem, Educação Inclusiva e Tecnologia Educacional. Atua no movimento pelos direitos das pessoas com autismo e com deficiência e junto a associações não-governamentais na divulgação de conhecimento e conscientização sobre autismo, deficiência e inclusão sob a perspectiva dos Direitos Humanos.



Vanessa Madaschi


Currículo Lattes

Terapeuta Ocupacional graduada pela Universidade Federal de Sao Carlos (1996). Mestre em Distúrbios do Desenvolvimento pela Escola Presbiteriana Mackenzie (2012), pós-graduada pela Universidade de São Paulo USP em Atendimento Domiciliar (2001) e especialista em reabilitação física pela AACD (1997). Certificação pelo Conceito Bobath e Baby Course pela International Neurodevelopmental Bobath Association (2001). Estágio internacional no Kennedy Krieger Institute, John Hopkins Hospital (2009, 2011, 2013, 2015). Trabalhou como docente no curso de Terapia Ocupacional na UFSCar, como Terapeuta Ocupacional no Hospital Israelita Albert Einstein, na Rede Sarah de Hospitais de Reabilitação e no Setor Infantil da AACD – Associação de Assistência à Criança Deficiente. Acompanha crianças com paralisia cerebral e outros distúrbios do desenvolvimento, com ampla experiência em assessoria à inclusão escolar. Recentemente publicou o artigo internacional: Adaptação Transcultural e Propriedades Psicométricas das Escalas Bayley III de Desenvolvimento Infantil para a população brasileira, em crianças de 12 a 42 meses de idade, nas áreas motoras, de linguagem e cognição, escrito em parceria com Tatiana Pontrelli Mecca , Elizeu Coutinho Macedo e Cristiane Silvestre Paula , com autorização dos autores da escala.



Victor Edgar Pitzer Neto


Currículo Lattes

Possui graduação em Fisioterapia pela Universidade de Cruz Alta (1997). Especialista em Fisioterapia Neurofuncional pelo Colégio Brasileiro de Estudos Sistêmicos Ltda (CBES-POA). Pós-Graduação Lato Sensu em Acupuntura pela Escola Brasileira de Medicina Chinesa (EBRAMEC) e Centro Internacional de Estudos em Fisioterapia, Acupuntura e Terapia Orientais (CIEFATO). Mestrado em Educação Fisica, Atividade Fisica e Saúde pela Universidade Federal de Pelotas (UFPEL-Pelotas). Fisioterapeuta da Associação de Pais e Amigos do Excepcionais de Pelotas. Tem experiência na área de Fisioterapia e Terapia Ocupacional, com ênfase em Fisioterapia e Terapia Ocupacional, atuando principalmente nos seguintes temas: fisioterapia neurologica, acupuntura, equoterapia e estimulação essencial. Coordenador técnico dos setores de equoterapia, fisioterapia e estimulação essencial da APAE-Pelotas, atualmente acumula o cargo de diretor da APAE-Pelotas Professor do modulo recursos terapeuticos IV:equoterapia, no sexto semestre do curso de fisioterapia da UCPEL (Universidade Catolica de Pelotas), Professor das disciplinas de anatomia, neuroanatomia, Próteses e Órteses, Fisioterapia em Neonatologia e Pediatria, Fisioterapia Neurológica I e Fisioterapia Neurológica II, supervisor de estagio ambulatorial e orientador de Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) no curso de Fisioterapia da Universidade Anhanguera Rio Grande. Membro do Comitê de Etica em Pesquisa da Universidade Federal de Pelotas (UFPEL).



Raquel Ehlert


Currículo Lattes

Mestre em Inclusão Social e Acessibilidade (Universidade Feevale), Especialista em Fisioterapia Neurofuncional (CBES), Bacharel em Fisioterapia (Universidade Feevale), Formação no Conceito Neuroevolutivo Bobath (Básico) e Baby Course Bobath (avançado), Formação no Protocolo de Terapia Intensiva (Pediasuit). Atua principalmente no seguintes temas: Fisioterapia Neurofuncional, Comprometimentos motores, Crianças, Marcha , Tecnologias Assistivas, Inclusão Social e Saúde.



Sizínio Hebert


Currículo Lattes

• Membro da American Academy for Cerebral Palsy and Developmental Medicine (AACPDM);
• Membro da Associação Brasileira de Paralisia Cerebral (ABPC);
• Membro da Pediatric Orthopaedic Society of North America (POSNA);
• Membro da International Federation of Pediatric Orthopaedic Societies (IFPOS);
• Fundador da Sociedade Brasileira de Ortopedia Pediátrica (SBOP);
• Membro Titular da Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia (SBOT);
• Membro da Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP) e da Sociedade de Pediatria do RS (SPRS);
• Chefe do Serviço e Regente da Disciplina de Ortopedia e Traumatologia da PUC/RS (1979-1991);
• Professor Adjunto da Faculdade de Medicina da PUC/RS;
• Membro da Comissão de Ensino Continuado da SBOT (1988-1989) e da Comissão de Ensino e Treinamento(1990-1993);
• Ortopedista Pediátrico da Associação de Assistência a Criança Deficiente (AACD/RS - 2000-2007);
• Revisor da área de Ortopedia Pediátrica do Jornal de Pediatria;
• Membro do Conselho Editorial da Brasília Médica: revista da Associação Médica de Brasília (2009);
• Membro da Banca Examinadora do Concurso para título de Especialista em Ortopedia e Traumatologia (SBOT);
• Ortopedista Pediátrico do corpo docente do Instituto de Educação e Pesquisa do Hospital Moinhos de Vento, no Programa de Pós-Graduação Lato Sensu, área de Fisioterapia Pediátrica;
• Ortopedista do corpo docente do Curso de Pós-Graduação, Lato Sensu, área de Fisioterapia em Ortopedia e Traumatologiada da UNESC (Universidade de Santa Catarina);
• Coordenador e Ministrante do Curso Anual da Sociedade de Pediatria do RS, "Ortopedia para Pediatras", atualmente em sua 21a edição;
• Palestrante dos Cursos Preparatórios para o Título de Especialista, e de Recertificação, em Pediatria e Neonatologia (Pré-TEP e Pré-TEN);
• Participante do Sistema de Educação Médica Continuada à Distância, em Neonatologia (PRORN) da SBP, na área de Ortopedia Pediátrica.
• Ministrante dos Módulos de Neuro-Ortopedia na Paralisia Cerebral dos Cursos de Pós-Graduação: Curso Básico de Treinamento Neuro Evolutivo Bobath, Baby Bobath e PediaSuit, minstrados pelo CENEFFI.


Simone Ribeiro


Currículo Lattes

Possui graduação em Fisioterapia pela Universidade Presidente Antônio Carlos (2002), Mestrado em Ciências da Saúde - Saúde da Criança e do Adolescente pela UFMG (2007), Doutorado em Ciências da Saúde - Saúde da Criança e do Adolescente pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) (2014) . Atualmente é Fisioterapeuta e coordenadora da Equipe de Fisioterapia do Hospital Sofia Feldman (HSF) - Belo Horizonte-MG. Coordenadora/preceptora do Ensino Clínico da Residência Multiprofissional em Neonatologia do HSF e Fundação Educacional Lucas Machado - FELUMA / FCMMG. Membro do Comitê de Ética em Pesquisa do HSF. Revisora do periódico Assobrafir Ciência.Tem experiência na área de Saúde da Criança e do Adolescente, com ênfase em Neonatologia e Pediatria, atuando principalmente nos seguintes temas: fisioterapia respiratória, promoção do desenvolvimento neuropsicomotor na infância, reabilitação em pediatria, Gestão em Fisioterapia Hospitalar.



Fabiana Mugnol


Currículo Lattes

Atua em sua clínica privada e em consultorias no Hospital Ernesto Dornelles e no Instituto de Cardiologia. Junto ao HCSA, desempenha atividades de pesquisa. Professora da pós-graduação IERGS. Membro da ABENEPI, ABDA e LILAPETDAH.


 

Inscreva-se


Preencha o formulário abaixo














Ou entre em contato conosco



EMAIL: portoalegre@inclusaoeficiente.com.br
Secretária: Fernanda (49) 3323-6037
Horário de atendimento ao público: de segunda a sexta 08:30 as 12:30.